segunda-feira, 20 de março de 2017

O que esperar do MSC Seaview, novo navio no Brasil em 2018

Mesmo com a redução da oferta de navios e a saída de algumas companhias do Brasil, a MSC sempre se mostrou empenhada em trazer seus melhores, maiores e mais novos navios para os nossos mares. Isso aconteceu com o Preziosa, que veio para cá com menos de um ano de construção, e vai se repetir no fim do próximo ano com o MSC Seaview, o segundo da nova classe denominada Seaside.
MSC Seaside, primeiro navio da classe que leva seu nome
O MSC Seaside será o primeiro dos gêmeos a ficar pronto e fará história ao ser o primeiro navio da companhia a ser batizado fora da Europa. Seu porto base e de batismo será Miami, de onde partirá para cruzeiros de uma semana pelo Caribe incluindo passagens pela nova ilha privada da companhia, a Ocean Cay Marine Reserve. Em 2019 o também novíssimo MSC Meraviglia irá para a Flórida, totalizando três navios da MSC juntos no mesmo porto: Divina, Seaside e Meraviglia.

SEAVIEW NO BRASIL NO PRÓXIMO ANO!
SEASIDE significa "beira-mar", em inglês, sendo esse nome escolhido para uma classe que fará jus ao título. A ideia por trás do projeto é colocar os passageiros mais próximos do mar, com uma grande promenade lateral com restaurantes, piscinas e locais para tomar um banho de Sol.
Quando chegar ao Brasil para a temporada 2018/2019, em novembro, o MSC Seaview será o maior e mais novo navio a operar na América do Sul. Os números impressionam: serão 154 mil toneladas, 17 decks - sendo 13 dedicados aos mais de 5000 passageiros - 323 metros de comprimento e 41 de largura.
Com essas dimensões e um projeto inovador, o Seaview será muito diferente não apenas dos outros navios da MSC, mas de qualquer outro navio que jamais operou no Brasil. Pela primeira vez vamos ter uma embarcação que oferece áreas abertas nas laterais e atrás (a 360º Promenade) com diversas atrações, como acontece com os navios da classe Breakaway, da Norwegian, e Dream, da Carnival, todos operando nos Estados Unidos. A diferença é que o Seaview terá a maior área do tipo já vista, dando uma volta completa no deck 8 e na popa do sétimo. Isso dará a ele o título de navio com a maior proporção de áreas ao ar livre jamais vista.
Falando no deck 7, é nele onde ficará a piscina que fará você pensar que está em um hotel à beira mar. Olha só a primeira imagem ao lado. Esses vidros no meio do "prédio" serão elevadores panorâmicos com uma vista incrível!
Para fazer as refeições ou se refrescar durante o dia, serão 20 bares e lounges e 9 opções de restaurantes, incluindo asiático, pizzaria, churrascaria, buffet e de frutos do mar.
Algo que irá atrair principalmente os jovens é o parque aquático, chamado de "o parque aquático mais interativo no mar" pela  MSC. A área terá dois andares e, pela primeira vez em um navio, contará com um toboágua computadorizado (Slideboarding), que junta a diversão dos toboáguas com videogames desafiadores. Também fazendo parte da diversão ao livre, o Seaview terá uma área para esportes.
A parte de trás do deck superior terá um design bem diferente do normal e bem mais estreito que o esperado para um navio desse tamanho. Mas o resultado é muito interessante com o telão ao fundo e uma vista bem ampla do mar, não é uma área fechada dos lados como normalmente acontece.
Seguindo a proposta de estar próximo do mar, a classe Seaside será a primeira da MSC a ter um atrium com paredes inteiras de vidro, permitindo uma grande entrada de luz natural. Do lado dos janelões passam duas passarelas com chão de vidro, partes da promenade lateral. O SPA também será diferente, oferecendo a opção de fazer tratamentos ao ar livre.
Passando para a parte interna, ele terá duas pistas de boliche em tamanho real, clube de comédia, clubes infantis, os já conhecidos cassino, academia, lojas, biblioteca.... e tudo o que a gente já está acostumado a encontrar em um navio de grande porte.

As cabines estarão divididas em várias categorias, desde as internas às suítes Yacht Club, com todas as mordomias e luxos já presentes nos navios da classe Fantasia.
Para famílias ou grupos que estejam viajando juntos, o navio oferecerá a opção de  reservar cabines familiares, interligadas, permitindo viajar até 10 pessoas juntas.

O porto base do MSC Seaview  durante a temporada 18/19 será o de Santos e as viagens incluirão roteiros pelo nordeste brasileiro, como acontece com o MSC Preziosa. Mal podemos esperar!

Imagens: divulgação/ MSC Cruzeiros
Copyrigh© RG Cruzeiros. All rights reserved. Imagens e Textos com direitos reservados. Rodrigo Guerra

8 comentários:

  1. Não vejo a hora de estar dentro dele. Quero fazer a travessia com ele....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero conhecer ele também! Uma travessia em um navio desse seria incrível!

      Excluir
  2. Minha noiva e eu queremos nos casar nele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Douglas!
      Eu não sou um agente de viagens, para fazer a reserva procure um agente de viagens e diga que é para seu casamento. É preparado o evento a bordo e calculado preço pra os convidados também
      Boa viagem e um ótimo casamento a bordo!

      Excluir
  3. Ja comprei a minha passagem!! dia 2 de fevereiro de 2019 estarei na primeira viagem em Santos! Esta e minha decima quinta viagem, e maravilhoso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que demais! Vou estar nele também em dezembro. Vou compartilhar tudo sobre ele com vocês no Instagram (@rgcruzeiros) e aqui no site!

      Excluir
  4. Quem já fez esse cruzeiro sabe se balança muito, e sobre enjoo alguém teve ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelas avaliações do Seaside essa classe tem uma estabilidade boa, mesmo com a grande altura desses navios! Boa viagem!

      Excluir