domingo, 10 de junho de 2018

O que você vai ter a mais de gastos em um cruzeiro marítimo?

Depois de reservar o cruzeiro e pagar todo o valor da viagem eu ainda vou ter gastos extras a bordo?
Ao fechar um pacote de cruzeiro, tanto por agência de viagens quanto pelo site da companhia de cruzeiros, você vai pagar pelo valor por pessoa, de acordo com a categoria da cabine escolhida, somado às taxas portuárias e de serviço - note que essas taxas podem não estar inclusas no primeiro valor que você ver no site, aparecendo apenas no montante final. Somado a isso você poderá ter, dependendo de onde morar, gastos com passagens aéreas e traslados até o porto.

Depois disso você terá pré-pago praticamente tudo, o que faz um cruzeiro ser uma viagem sem surpresas no cartão de crédito a partir desse momento. Aqueles gastos quase obrigatórios que surgem durante uma viagem por terra - como táxi, refeições, ingressos... - não vão te incomodar enquanto estiver relaxando em alto-mar, tornando-se meros opcionais.

Porém, contrariando o que muitas pessoas ainda pensam, os navios não são all-inclusive. Aqui no Brasil apenas um, o Pullmantur Sovereign, opera regularmente com esse sistema, ou seja, ele inclui também as bebidas sem custo adicional. Os demais navios só incluem, em quase todos os restaurantes, as comidas; fora isso apenas água, café, leite e chá no buffet.

Mas para quem quer viver uma experiência mais completa, sem ficar apenas com o básico já incluso, é possível pagar a mais e ter alguns serviços bastante convidativos. Conheça as principais tentações para gastar um pouco a mais durante o seu cruzeiro:

REFEIÇÕES
Oriental Plaza Restaurant no MSC Magnifica (pago)
Em um navio com cinco restaurantes, por exemplo, geralmente um ou dois são pagos, os chamados Restaurantes de Especialidades. Neles você encontrará um cardápio e chef diferenciados, oferecendo refeições mais bem-preparadas e com ingredientes mais selecionados. As opções disponíveis costumam ser restaurantes asiáticos, de massas, churrascarias, ou de cozinha internacional. Geralmente é preciso fazer reserva.
Sorvetes, milk shakes, bebidas com café, alcoólicas, água engarrafada e refrigerantes também são pagos separadamente, mas alguns navios também incluem máquinas de sorvete com casquinha onde é possível servir-se à vontade sem custo adicional. Para quem planeja consumir muitas bebidas, existem pacotes para isso. Clique aqui para ler sobre eles.
Se quiser economizar, você pode comer apenas nos restaurantes inclusos, o que quase todo mundo faz, e consumir a água e café disponibilizados gratuitamente no restaurante buffet!

INTERNET
Esse pacote é contratado pelo próprio celular nos navios Costa.
É possível escolher outros pelo site também
Como já respondido em uma publicação aqui no site, o sinal do seu celular não vai chegar até o navio quando ele estiver em alto-mar. Geralmente depois de uma hora desde a partida do porto já não é mais possível conseguir sinal das antenas em terra. Para fazer ligações é preciso pagar pelo roaming internacional extremamente caro ao se conectar às antenas dos navios, que têm conexão via satélite. Então desative sempre o roaming e depois que perder sinal deixe em modo avião. Isso também economiza bateria, uma vez que o celular não ficará procurando por sinal.
A única solução economicamente viável é usar o WiFi do navio, que pode ser comprado antecipadamente, pelo site da companhia, ou a bordo. Existem pacotes de internet com valores muito variados, mas o preferido costuma ser o para redes sociais, permitindo acessá-las ilimitadamente para fotos, mensagens e vídeos a um custo médio de cinco dólares por dia. Consulte as demais opções no site da empresa que você vai viajar para ver os preços.
Quer economizar? Se desconecte do mundo e relaxe! Se for preciso, use a internet quando estiver nas cidades.

LAVANDERIA
Para um cruzeiro de uma semana você provavelmente não precisará usar serviço de lavanderia, mas com viagens mais longas, de duas semanas pela América do Sul ou 20 dias até a Europa, isso pode se tornar necessário.
O uso da lavanderia é pago por peça lavada. Um tripulante leva as roupas solicitadas, lava-as e devolve passadas e dobradas. Existe um menu com os preços de cada item, mas a lavagem de uma camisa costuma custar por volta de 3 dólares.

EXCURSÕES
Ao chegar em um porto você tem a opção de ficar no navio, descer para conhecer a cidade por conta própria (sem pagar nada mais por isso) ou de participar de uma excursão do navio ou de qualquer outra contratada pela internet ou em uma agência de viagens. Estas excursões são sempre muito mais baratas que as compradas no navio e vão até buscar os turistas no porto. Apesar de ter uma vantagem no preço, essas excursões não têm a segurança das compradas com a companhia, que garantem a espera do navio caso, por qualquer motivo, ocorra um atraso na volta. Lembre que os navios, assim como os aviões, têm uma hora para sair. Então não vá longe demais sem considerar o tempo de volta.

Fora esses custos considere os tratamentos no SPA, que são bem caros; as compras nas lojas duty free a bordo, que têm preços bem convidativos; e os jogos do Cassino. Vale dizer que a compra de fichas para o cassino geralmente só é possível com dinheiro, não sendo permitido comprar com o seu cruise card.
Então: gastar a mais ou não depende de você. As festas, piscinas, shows, academia, toboáguas, vários dos restaurantes, visitas às cidades e tantas outras coisas já estão inclusos. Mas que fazer algumas compras a mais é muito bom, isso não dá para negar! Boa viagem!

Copyrigh© all rights reserved. Imagens e Textos com direitos reservados. Rodrigo Guerra. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário